deveria ter sido ontem, mas não consegui.
peço-lhes desculpas, espero que não ocorra novamente, mas não posso prometer-lhes.
esta semana tive uma grata surpresa: mais um post do blog inspirará uma canção da banda jokie.
mais uma parceria, que me deixou feliz demais.
escrevo aqui sem muita pretensão, somente para expor sentimentos e ideias, antes guardados.
em breve a banda jokie divulgará a música e lançará o seu primeiro disco.
sorte e sucesso aos meninos.
[escute “sonhos ao acaso”, nossa primeira parceria. leia o post que a inspirou].
até a próxima semana.
2014 começou tranquilo, ao meu ver.
entre as minhas pretensões, está aumentar o meu índice de leitura de livros, que é, atualmente, péssimo. 
uma vergonha, principalmente porque eu sou uma consumidora voraz de livros.
bem, encerrei 2013 e comecei 2014 lendo “a filha das flores” de vanessa da mata, mas fiquei um tanto frustrada. sim. procurei lê-lo com tanta fome que, no fim, me perdi em meio às migalhas tentando entender a fábula, que me deixou imersa num emaranhado de possibilidades, mas não cessou minha sede. enfim, continuando, após o término desta leitura, recomecei a ler um livro que, acredito, está em boa hora para ser lido por mim. é o “aos meus amigos”, de maria adelaide amaral. livro que inspirou a produção da minissérie “queridos amigos”, da rede globo, no ano de 2008. já havia começado esta leitura em 2011, quando o adquiri, mas não consegui concluir. penso que, três anos depois, ser este o momento para esta leitura e reflexão, sobre um grupo de amigos que se reencontram, depois de muitos anos, no velório de um deles, que acabara de se suicidar.