Hoje, começa no Rio de Janeiro o Rio WebFest que é:

a rodada final da Web Series World Cup, campeonato internacional de web séries, criado pelo blogger correspondente do Jornal Liberátion, Joël Bassaget. O primeiro round começa em Buenos Aires, seguido de Vancouver, Miami, Austin, Washington, Montreal, Valência, Melbourne, Ústica, Berlim, Marselha, Bilbau, Seul e Londres.

(fonte: site do festival)

Aproveitando a deixa, fiz uma breve lista com alguns webvídeos, também conhecidos como curtas-metragens – independentes, experimentais, de todo o tipo, incluindo videoclipes – que chamaram a minha atenção. Portanto, se joga nesta listinha marota 🙂

Hoje eu não quero voltar sozinho (2011 | Direção: Daniel Ribeiro)

Edição (2015 | Direção: André Pilli)

O lobinho nunca mente (2007 | Direção: Ian SBF)

Another Brick In The Wall (1982)

Laços (2009 | Direção: Flávia Lacerda)

Romeo (2014 | Direção: Rafaela Carvalho)

Le Queloune (2008 | Direção: Patrick Boivin)

Passarinhos (2015 | Direção: Rafael Kent)

Snapchat – o filme ( 2016 | Direção: Gustavo Stockler)

Helium (2013 | Direção: Anders Walter e Kim Magnusson)

É claro que não poderiam faltar produções da cidade do divino, também conhecida como Divinópolis:

Ninguém pode te ouvir (2016 | Direção: Alisson Resende)

Carona ( 2016 | Direção: Alisson Resende)

Cochabamba (2013 | Direção: Diêgo Garcia)

Milho (2013 | Direção: Diêgo Garcia)

Analógico (2015 | Direção: Isabella Marques)

Bônus track: o filme produzido por Kirk, o personagem mais múltiplo de Gilmore Girls:

Até a próxima! ❤

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s