12 de 365 – A sete chaves

Conheci Maglore numa época em que eu ouvia muito Vivendo do Ócio, que daqui a pouco deve aparecer por aqui também. As duas bandas são da Bahia e são muito boas. Quando ouvi Maglore pela primeira vez achei curioso o vocal do Teago, que lembra, um pouco (talvez bem pouco, mas lembra) um Rodrigo Amarante. Eu, que gosto pouco de Los Hermanos, entendi a referência, procurei a banda e encontrei muita coisa legal.

  

Artista: Maglore

Álbum: Veroz (2011)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s