Dia 13

O tempo é avassalador e corre sem que possamos perceber

Os ponteiros do relógio não nos avisam os anos, nem mesmo as estações

Mas, a cada repetição, temos a certeza apenas do que deixamos correr pelas horas

Duras horas que teimam em voltar

Boas horas que teimam em partir

Tempo, aquele que nos rouba a vida

Aquele que nos dá a chance

a-desintegracao-da-persistencia-da-memoria-de-salvador-dali-2

(Salvador Dali- A desintegração da Persistência da Memória)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s