10 anos de loucuras

facebook

10 anos! 10!

É meio clichê, talvez, começar um post assim desse jeito, mas nunca pensei que este projeto pessoal pudesse durar tanto tempo.

Antes do Loucuras, tive um outro blog, o Vitrola. É bem provável que eu já tenha falado dele em algum momento por aqui, mas não me lembro onde nem quando. Enfim, o Loucuras Intrépidas surgiu da minha necessidade de escrever as coisas que sempre passavam, a ainda passam, em minha cabeça.

Eu comecei escrevendo textos curtos, pequenas poesias, palavras que saiam lá do fundo, muitas vezes tristes, outras um pouco mais leves, mas sempre muito de mim esteve presente em cada palavra escrita. Hoje, escrevo sobre outras paixões: música, cinema, série, livros e continuo escrevendo sobre mim, mas com menos profundidade, não sei porque. Talvez seja a vida adulta me avisando que os impulsos muitas vezes precisam ser controlados. Será?

Comecei o blog utilizando a plataforma blogspot e ele ainda existe por lá. Mas, em 2014, resolvi me dedicar ainda mais ao blog e migrei para o wordpress, que fez com que ele ficasse mais bonitinho. Antes, eu mesma criava as artes e, a partir da migração, contratei uma agência que me ajuda sempre que preciso, e que produziu a nova logo, ou melhor, a logo do Loucuras Intrépidas. Muito obrigada, Agência Pássaro.

Outros parceiros também foram importantes, como o blog Par de Copas ❤ e o Pipoca de Ouro. Com o último, produzi o curta-metragem Carona, um marco muito importante para mim, Isabella, e também para estes 10 anos do blog.

Outro momento muito importante para o blog foi com a Banda Jokie. O Erik, então vocalista da banda, viu num dos meus textos uma possível música. E não é que ele conseguiu e transformou aquelas poucas linhas? E este mesmo poema me deu outra alegria: foi selecionado pelo Concurso Nacional Novos Poetas 2016, entre mais de duas mil inscrições. Sonhos ao acaso prova que, se as palavras escritas são verdadeiras, elas podem alcançar o infinito.

Enfim, me emociono muito em poder comemorar este momento, que é muito importante para mim, e apenas para mim, talvez, mas isso é mais do que o suficiente.

Eu, há dez anos, tinha 23, às vésperas de completar 24, e quase me formando em Jornalismo. Hoje,  às vésperas de completar 34, ainda me pego sonhando acordada. Que bom que isso é possível. O sonho, a imaginação, a vontade me move, mesmo que seja dentro do meu infinito particular.

Aos que leem as linhas que escrevo, muito obrigada!

O blog continua, é claro, e espero poder comemorar vários aniversários!

Beijos, abraços, afagos e até breve! 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s