Capa_de_Efêmera

Com exceção de Às vezes, Tulipa Ruiz assina todas as músicas deste seu álbum de estreia. Efêmera é uma obra prima da nova música brasileira e Tulipa está entre as grandes vozes desta geração.

O disco é carregado de sentimento, com letras que falam sobre amadurecimento, amor, perda, relações, amizades. Mas, diferente do título que dá nome ao disco, Efêmera não é um disco perecível ou que passará despercebido. Ou ao menos não deveria. Lançado de maneira independente em 2010, pode-se dizer que todo o processo foi cuidadosamente pensado, da produção das melodias e letras, até o encarte do disco, com arte da capa feita pela própria Tulipa, e com desenhos de vários amigos e artistas. São muitas Tulipas dentro de um mesmo universo. É possível perceber este dinamismo nos dois trabalhos seguintes da artista.

Em Tudo Tanto, lançado em 2012, Tulipa já nos apresenta algumas sonoridades e experimentações. Confesso que não consegui me entregar muita à audição deste segundo trabalho, tamanho apego e apresso tenho pelo primeiro. Mas, ainda assim, é possível destacar algumas músicas, como É, Dois Cafés e Víbora.

Dancê foi o terceiro álbum da artista, que ganhou, inclusive, uma linda versão em vinil, do Noize Record Club, que eu tenho, em versão numerada e assinada pela Tulipa. ❤

Como o próprio nome já diz, Dancê é um disco feito para dançar. Destaque para a participação de João Donato, em Tafetá. Outro destaque é Algo Maior.

Em 2017, Tulipa lançou TU, um disco que, a princípio, seria uma coletânea, mas se transformou num disco de versões acústicas de músicas dos discos anteriores, com o acréscimo de algumas inéditas, como Game. Das novas versões, gostei bastante de Pedrinho, Algo Maior e Dois Cafés.

Voltando ao Efêmera, é quase impossível não destacar todas as músicas do disco. Mas, de toda forma, as principais indicações são: Do amor, Pedrinho, Sushi, Aqui e Só sei dançar com você. Esta última recebeu versão da Tiê.

Ouça Efêmera, em volume alto, sem medo de se perder.

► Álbum • Efêmera

► Artista • Tulipa Ruiz

► Ano de Lançamento • 2010

► Composições • Tulipa Ruiz, Gustavo Ruiz e Luiz Chagas

► Produção: Gustavo Ruiz e Márcio Arantes

► Gravadora • YB Music

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s