oais

Oasis é um dos grupos que mais gosto na vida. Ou que mais gostei. O grupo, liderado pelos irmãos Liam e Noel Gallagher, findou as atividades em 2009. Pelo menos por hora. A formação do Oasis mudou ao longo dos tempos. Fizeram parte do grupo Paul Arthurs (Guitarra/1991-1999), Paul McGuigan (Baixo/1991-1999), Tony McCarroll (Bateria/1991-1994), Alan White (Bateria/ 1995-2004), Zak Starkey (Bateria/2004-2008). Além desses, ainda participaram, o guitarrista Gem Archer e o baterista Chris Sharrock.

O disco de hoje foi o primeiro que escutei inteiro, apesar de já conhecer algumas músicas do (What’s the story) Morning Glory?. E eu, definitivamente, tenho predileção por artistas britânicos.

Mas, comecemos do início.

O Oasis fez seus primeiros ensaios em 1991, mas apenas em 1994 tornou-se conhecido, depois do lançamento do primeiro disco, o Definitely Maybe. Já nos primeiros acordes da guitarra de introdução da música de abertura do disco, é possível saber que esta será uma das mais importantes bandas do chamado rock britânico (ou britpop), da década de 1990. A música citada é Rock ‘N’ Roll Star. A egotrip dos irmãos não tinha limite.

O disco todo é excelente mas, como destaque, posso indicar Supersonic, o primeiro single, Live ForeverCigarettes & Alcohol, Whatever e Shakermarker.

Em 1995 o grupo lança o disco (What’s the story) Morning Glory? Para muitos – e muitos lê-se crítica – este é o melhor disco do Oasis e o mais importante do movimento Britpop, que era composto por bandas como The Verve, Blur, Radiohead, Supergrass, Coldplay e, mais recentemente, Arctic Monkeys, apesar de o movimento ser considerado como existente entre 1993 e 1997.

Sigamos.

Neste disco está uma das mais importantes músicas do grupo. A que fez o Oasis se tornar um ‘fenômeno’ mundial: Wonderwall. I said, maybe. Outras excelentes músicas como Roll with it, Champagne Supernova e Don’t Look Back in Anger (que é uma das músicas  que mais gosto do grupo) também fazem parte do disco, que bateu recordes de venda não apenas no Reino Unido, vendendo mais de 20 milhões de cópias no mundo inteiro.

Em 1997 o Oasis lança o Be Here Now, para mim, humildemente, o melhor disco do grupo. E, ao contrário de mim, para muitos – mais uma vez, a crítica especializada – o disco não foi considerado tão bom. Não tem problema. Mesmo assim, foi um dos mais vendidos do grupo. Com ele sim, o Oasis alcançou o status como uma das bandas de rock mais bem sucedidas do mundo. De toda forma, foi o último grande disco lançado por eles.

Parte do disco foi gravado no Abbey Road, imortalizado pelos Beatles. Durante a gravação, os irmãos, e seu ego gigante, causaram confusão no estúdio, por conta do abuso no uso de drogas e álcool. Mas apesar dos problemas e da falta de crença da Creation Records, o disco foi lançado e tornou-se um dos mais importantes do grupo. Eu poderia destacar todas as músicas do disco, mas, vou listar algumas: D’You Know What I Mean, Magic Pie, Stand By Me, All Around The World e Don’t Go Away. Ano passado o disco completou 20 anos de lançamento e ganhou uma edição especial.

Depois deste, o Oasis lançou outros quatro discos: Standing on the Shoulder of Giants (2000), Heathen Chemistry (2002), Don’t Believe the Truth (2005) e o derradeiro Dig Out Your Soul (2008).

Pena que a tensão entre os irmãos, e o ego, fez com que o grupo encerrasse as atividades no dia 8 de outubro de 2009. Em 2016, foi lançado o documentário Supersonic, que mostra a trajetória do grupo.

Ouça o Be Here Now:

► Álbum • Be Here Now

► Artista • Oasis

► Ano de Lançamento • 1997

► Composições • Noel Gallagher

► Produção • Owen Morris e Noel Gallagher

► Gravadora • Creation Records

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s