Há muito tempo venho pensando sobre os conteúdos que produzo para o blog, sobretudo os textos mais pessoais. Eu, até então, os deixava guardados aqui e como a maioria deles eu escrevo direto nesta plataforma, não havia backup de nada disso. Se o WordPress resolvesse acabar com tudo, eu perderia todo o meu conteúdo. É claro que isso é um exagero, de certo modo, porque exporto o html do blog todo mês, para que, caso o pior aconteça, eu consiga salvar parte do meu trabalho.

Enfim, ontem resolvi salvar os meus textos. Desde 2007. Não todos, apenas os pessoais. Eu não sei bem em que gênero meus textos se encaixam  – se é que se encaixam. Existem alguns poemas, talvez algumas crônicas, mas eu não faço ideia de como devo categorizá-los.

Na medida em que fui relendo os textos e salvando no Word, pude perceber que muitos sentimentos ainda continuam muito vivos dentro de mim, e isso não é necessariamente uma coisa boa. Certos temas são sempre recorrentes, como os sonhos, as vontades e o tempo. Eu sempre falo do tempo, perdido ou não, e sempre, na maioria dos textos, reclamo sobre um estado que não sei bem qual é. Li tanta tristeza, tanta melancolia, que o nó na garganta foi só crescendo. Fiquei triste em saber que por tanto tempo vivo nesse ciclo de angústia.

Estou fazendo terapia (na verdade é análise!) há dois meses, e espero que agora eu possa resolver essas questões que tanto me afligem. Mas, para isso, preciso ter coragem. E meu maior arrependimento até agora foi o de ter demorado tanto para começar essa experiência, que tem sido muito boa, na maioria dos dias.

Uma vez por semana, revisito momentos, assim como fiz com o conteúdo do blog, para poder me lembrar do que sou e do que fui, e poder melhorar a pessoa que serei.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s